terça-feira, 16 de julho de 2013

Tarefa do desafio e receitas

Oi pessoas!!

Hoje acordei bem cedo, 07:00hs. Pra quem está com os filhos de férias, é cedo rsrs.
Alimentei os bichos, fui ao banheiro e me enfiei na cozinha.
Precisava fazer pão pro café. Ontem comemos pão de queijo e hoje queria outra coisa.
Fiz uma receita de pão de arroz, sem a maizena. Usei um pouco de polvilho.
Olha, não ficou tão legal quanto o outro, aquele que fiz com maizena e iogurte.
Fiz assim:
Bati no liquidificador:
2 ovos, linhaça, 4 colheres de azeite, 1 colher chá de sal, 1 xícara de leite e um pouco de água. Deixei bater uns 5 minutos e coloquei 1 e 1/2 xícara de farinha de arroz e 1/2 de polvilho doce. 1 colher sopa de fermento.
Assei por 45 minutos no forno pré aquecido 200º.
Ficou com textura de pão de queijo, mas segundo a Ana, o outro é melhor... também achei. Amanhã vou colocar na torradeira.

E aproveitei e fiz um bolo com as laranjas que trouxe do sítio.
Fiz assim:
Coloquei no liquidificador, 1 laranja com casca, sem sementes e sem aquele miolo branco, suco de uma laranja e suco de um limão, 2 fatias de gengibre com casca, 1/2 xícara de açúcar e mais um pouco, 3 ovos e 40g de margarina culinária. Deixei bater uns 10 minutos. Coloquei 1 xícara de farinha de arroz e 1 colher de fermento. Assei por 35 minutos.


Não quis usar a maizena pq acho que deixa aquele gosto característico e a textura deles não foi das melhores. O sabor do bolo ficou um escândalo. Muito bom. Já a textura, tava mais pra pudim que pra bolo...
Comi uma fatia de cada com café e leite.
Bem, quem quiser se aventurar...

E o post de hoje é a tarefa do Desafio mais Ligth que Alface

1º Qual minha meta de peso.
Bem, pro desafio estipulei a meta de 57 kilos, sendo que iniciei com 60, depois fui pra 61,8 e estou quase com o peso do início. Talvez não consiga atingir a meta, mas quero muito terminar este mês com 57 ou perto dele.
Na verdade, adoraria pesar 55 kilos, rsrs. E sei que é possível.

2º O que me motiva nessa luta.
Meu bem estar. Poder ter a liberdade de estar num peso que eu acho bom, poder usar minhas roupas sem me sentir apertada.
As amigas que aqui aparecem também me motivam muito e preciso servir de exemplo pra minha filha. Como poderei cobrar dela algo que eu não faço? E ela me observa com muita atenção.

3º Quais os motivos que me levaram a querer emagrecer. Segue a lista:
* Quando vi que estava com mais de 70 kilos (em 2008) percebi que precisava me mexer. Estava gorda, me sentia cansada, feia. Nenhuma roupa servia.
Lembro que neste dia me pesei numa farmácia. Estava com uma calça jeans gigante e uma blusinha de linha, toda florida. Quando eu sentava no carro, as banhas pulavam na barriga e ficava aquela pochetona. Triste de ver.
A primeira coisa que fiz quando alguns quilos se foram foi colocar pra doação, a blusa e a calça!
* Logo que caiu a ficha, comprei minha balança.
Na época, pedi pra entregar onde eu trabalhava e um idiota que também trabalhava lá, ao ver a balança e me ver pesando, soltou a pérola: VC NUNCA VAI EMAGRECER!
*Se eu já estava determinada a emagrecer, esse comentário infeliz virou uma mola propulsora e me empenhei desde então. Nunca mais cheguei nem perto dos 70 kilos.
*Eu me sentia cansada, feia. 
*Sempre cuidei muito bem das unhas, do cabelo e da pele, mas naquele auge, lembro que andava meio descuidada, talvez por estar tão gorda. De que adiantava me arrumar se a embalagem não agradava? É duro admitir isso, mas cheguei a pensar e agir assim durante um tempo. Pouco tempo, pq acordei!
*Fato curioso deste período: EU ME OLHAVA NO ESPELHO E NÃO VIA A GORDURA! A ficha caiu de verdade ao constatar na balança - 70,5.
*Fiquei bem preocupada com a saúde, principalmente com muito medo de desenvolver diabetes, fato que aconteceu com meus pais depois dos 40 anos.
*E queria ficar bonita pra mim.

Acho que é isso.

Progredi bastante desde o início. Já estive melhor, mas aos poucos eu chego lá.

E aí? Fui bem?
Tarefa cumprida e foi bom relatar e relembrar de alguns fatos... Um pouco dolorido talvez, mas foi bom pra dar um up!

Beijos!!

UP:
Faltou a foto da roupa meta:

É uma calça que tem uns 11 anos. Usei poucas vezes antes de engravidar da Ana e cheguei a usar duas vezes quando atingi os 57 kilos. Ela é jeans, sem strech, nº40. Acho que fica linda no corpo!



4 comentários:

Márcia disse...

Olá vim retribuir sua visitinha. Adorei seu blog estou seguindo para voltar mais vezes. Bjks

Lívia disse...

Tbm tenho umas calças que não uso ha muiiiiito tempo! Sei que estão guardadas em algum lugar, mas ja faz tempo que não as vejo. Quero voltar a usa-las tbm. Torço pra que consigamos.

Abraços!!!

jhully disse...

hum... esse bolo parece que estava uma delicia,parabéns....

Ju disse...

As pessoas têm uma mania de falar quando não devem né? Que bom que vc usou isso como motivação e deu a volta por cima! Falta pouco pra sua meta... vc vai chegar lá!!!

Beijinhos

Progresso

NeoCounter