quarta-feira, 21 de setembro de 2011

MELHORANDO A CADA DIA

Oi pessoas!

Hoje seria um dia triste... mas preferi que não fosse.
Seria aniversário de uma pessoinha que nos deixou a quase 4 anos e que faz muita, muita falta!
Ela faria 21 anos hoje...
Minha prima, sobrinha, afilhada e amiga!
Uma perda tão estúpida, tão precoce...
Mas, Ele sabe o que faz e se foi assim, devemos aceitar.
A saudade fica, com certeza... mas não mais aquela saudade que machuca.
É saudade boa... de lembrar a alegria dela, as coisas boas que vivemos.
Esteja onde for... esteja bem!

Mudando de assunto... hoje já trabalhei bastante.
Ainda tenho umas cotações pra passar... mas tenho a tarde toda pra isso.
O post de ontem foi mais um desabafo tá?
É que as vezes eu me questiono pq as pessoas aqui são tão fdp...
Eu sei pq, mas fico indignada com certas coisas...
Deixa pra lá.

Hoje a monstra se despede... aqui dura até 7 dias, um horror!
Levantei bem menos inchada e o peso foi 63,2 hoje.

Só pra registrar: DOMINGO MARCOU 65,1! GZUIS!

Inchei demais nesses últimos dias. Não sei se por conta do calor, da monstra... a coisa tava feia!
Na segunda meus pés e pernas incharam tanto a ponto de doer.
Nem quando estive grávida inchei assim.
Deu medo.

Estou comendo menos esses dias, continuo tomando o chá verde após as refeições e fiquei dois dias sem me exercitar.
Não mudou muita coisa com relação ao peso, mas me sinto um tiquinho melhor que na semana passada.
E semana que vem quero estar melhor, e melhor e melhor...

Estou tão perto dos 60 kilos (que pro meu tamanho acho que tá bom)... mas como é difícil eliminar o que falta!
Desde que meu trabalho mudou aqui pro fim do mundo (não posso falar mal pq em breve será puro glamour! 2014) eu engordei! Cheguei nos 64, 65... agora tô nesses malditos 63!
Quando viemos pra cá, oscilava entre os 59 e 60... ooooooooo alegria... que saudade, rsrs.

Pode não parecer muita coisa, mas 3 kilos a mais num corpo tão pequeno faz muita diferença!
Numa pessoa alta não é nada... mas aqui, com 1,52... é muito!

Então... vou continuar tentando mandar esse excesso embora.
Pra ser considerada NORMAL, deveria pesar 57... mas fico bem feliz com 60!

Não quero passar a vida sendo referência: (aquela gordinha, aquela fofinha, etc), não que me incomode tanto, apenas não quero.
Simplesmente pq eu não rotulo as pessoas como: aquele (a) magrela, aquele careca, aquele isso ou aquilo. E aqui (no fim do mundo) as pessoas usam muito esses termos... detesto.
Tem um rapaz aqui que é bem magro e o apelido dele é magrela.
Uma menina é do norte - chamam de paraíba...
E por aí vai.
Não gosto. Acho feio, pejorativo!
Já ouvi me chamarem de gorda por trás...
Não gostei.
Me chamam de cabelão, e também não gosto.
Eu tenho nome caraio!

Sabe, algumas pessoas olham tanto os defeitos das outras que esquecem de olhar pra si próprios e pior, não vivem.
Triste isso...

Bem, tô filosofando demais hoje, rsrs.

Vou trabahar e volto amanhã.

Beijos e cuidem-se.

PS: Faz 3 dias que estou jantando sopinha.
Fiz variações da sopa de cenoura e ficou uma delícia!
Depois passo a receita.

Beijosss

Um comentário:

Marilia disse...

Oi, florzinha!
Vc sempre me dá força...em todos os aspectos....
Nossa sorte é que somos bem humoradas, senão tava tudo perdido...e estaríamos com 150kg, quanto as pessoas: É difícil mesmo essa coisa da convivência, GZUIS como vc mesma diz...rsrsrs.... o duro é que a gente espera sempre trocar experiência que as pessoas sejam verdadeiras pra gente poder aproveitar, mas daí descobre que a maioria das pessoas são mentirosas que fazem o que dizem ñão fazer, ou fazem o que criticam nos outros, estou chegando a conclusão que cada vez fica mais difícil encontrar gente bacana, que vc possa se entregar numa amizade...affff, eu tô meio pessimista hoje, mas estou encarando como se tivesse fazendo terapia, respeitando a ignorância alheia,não que eu seja muito boa, mas prezo pelo menos a verdade, e tento ao máximo não me deixar abater com a opinião dos outros, chega por hoje.
Beijos querida

Progresso

NeoCounter